Aspectos geográficos

Ribeirão Das Neves está localizada a noroeste de Belo Horizonte, capital de Minas Gerais, fazendo parte da Região Metropolitana (RMBH). Possui uma superfície de 155,541 km2, tendo como limites os municípios de Pedro Leopoldo, Vespasiano, Esmeraldas, Contagem e Belo Horizonte.

Solo

O solo de Ribeirão das Neves já sofreu várias transformações, fenômeno chamado de intemperismo. Os resíduos de granito (arenoso) e da alteração de feldspato e mica (argiloso) deram origem ao solo de Ribeirão das Neves. Por ter um solo arenoso, parte da região fica vulnerável à erosão.

Relevo

Ribeirão das Neves possui baixas altitudes com médias em torno de 800 a 900 metros, considerados assim , como morros, colinas e planícies. As maiores elevações do relevo destacam-se na região onde situam-se os bairros Vale das Acácias, Vale do Ouro, Veneza, Metropolitano, Vereda, San Marino, San Genaro, Sevilha, Jardim Colonial, Neviana, Savassi, Menezes, Labanca, Vera Lúcia e Kátia.

As planícies destacam-se, em grandes extensões, próximo ao Ribeirão das Areias e nos bairros Esperança, Cerejeiras, Flamengo, Paraíso das Piabas, Várzea Alegre, Papine, Guadalajara, Girassol e Esplanada.

Clima

O município possui clima tropical de altitude, com médias entre 19 e 22 graus centígrados. É um clima agradável, proporcionado pela existência de grandes extensões de vegetação e pelo fato do relevo estar distribuído de maneira proporcional. O índice de chuvas na região oscila entre 1150 a 1450 mm (anualmente).

Vegetação

A vegetação é determinada por alguns fatores: clima, solo e relevo, que determinam o tipo de vegetação de uma região. O município possuía, no século XVIII, floresta tropical de mata ciliar, hoje temos uma vegetação de transição, com a presença de cerrado, predominante, e a vegetação rasteira, que é utilizada como pastagem natural.

Hidrografia

A cidade possui uma rede hidrográfica importante, cuja importância das águas que cortam Ribeirão das Neves é de grande relevância no contexto hidrográfico de Minas Gerais, fazendo parte da bacia hidrográfica do Ribeirão da Mata, contribuindo para a formação do Rio das Velhas e do Rio São Francisco, ambos de suma importância para o estado de Minas Gerais. O maior ribeirão é o do Areias, formado pelos córregos Canoas, Piabas e Mata. O importante Ribeirão das Neves, que corta a região central do município, é formado pelos córregos da Mata, da Água Fria, Cacique, Café, Hortinha e Ferreirinha.

População

De acordo com o Censo 2010, a população contabilizada era de 296.317 habitantes. Em 2019, a população estimada saltou para 334.858 habitantes.